sábado, 19 de outubro de 2013

Espiritualismo e sonho lúcido


 
Definição. Espiritualismo e sonhos lúcidos é a relação existente entre as filosofias espiritualistas de todos os tipos e os sonhos lúcidos.

Nomes. Outros nomes pelo qual é conhecida:

1.    Relação espiritualismo e estado lúcido onírico

2.    Onirologia lúcida espiritualista

 
Espiritualismo. Os sonhos lúcidos não ajudam nem provam o espiritualismo, em si, mas também não corroboram o materialismo.

Científico. No nosso atual estádio científico precisamos de mais pesquisas, estudos, investimentos, trabalhos científicos.

Hipóteses. Da minha parte, dentro das minhas limitações, sou espiritualista e as minhas hipóteses de trabalho irão por esse caminho.

Ciência. A ciência, por si só, não explica tudo e nem é essa a sua finalidade, mas sim de explicar, cientificamente, aquilo que pode ser explicado, e nem tudo entra nessa categoria.

Metodologia. O que não significa abrir mão do rigor científico de um lado e contestar as hipóteses e teorias científicas aceitas por outro, por não condizerem com os ensinamentos espiritualistas.

            Tipos. Existem diversos, tipos,  de espiritualismos, em todas as épocas e lugares, centenas, inclusive no catolicismo, protestantismo, islamismo, judaísmo, algumas vezes velado outras explícitas.

            Ensinamentos. Existem ensinamentos comuns à maioria das escolas espiritualistas. Por exemplo:

·         Sobrevivência

·         Influencias espirituais

·         Reencarnação

·         Poderes espirituais

·         Moral elevada

·         Instrumentos espirituais

·         Orações

·         Evocações

·         Seres espirituais

·         Mundo espiritual

·         Forças espirituais negativas

·         A existência de outros corpos espirituais

·         A existência de matérias sutis

 

Discordância. Mas a maioria das escolas, seitas, correntes, facções, dissidências, espiritualistas discordam a respeito de muitos pontos, das mais diversas maneiras. Podemos encontrar pontos de vista similares ou  antagônicos entre eles.

Absolutismo. Muitas escolas espiritualistas em uma clara manifestação de bairrismo, antimultiversalista adota uma posição de exclusividade achando que são donos da verdade.

Dinâmica. Existe uma dinâmica muito grande e uma interação entre as diversas escolas espiritualistas. Elas estão sempre exportando e importando conceitos, ideias, pensamentos, práticas, técnicas. Assim como exemplo podemos citar o catolicismo, que do cristianismo primitivo tornou se um grande importador de ideias vindas de todas as partes: trindade, milagres, templos, orações, política, filosofias, misticismo, ascetas, Maniqueísmo, práticas, técnicas, etc.

Dissidência. Assim é que nascem as dissidências, tendências, movimentos.

Conservadorismo. E como0 respostas para isso aparecem os movimentos conservadores, tradicionais, que querem voltar ao estatus quo ante, iniciando intimidações, expulsões, perseguições, penitencias, etc. O que aconteceu muito na Igreja católica, para ficarmos no nosso exemplo.

Lucidez. A lucidez onírica é discutida em muitas delas como:

 

·         Sonhos

·         Sonhos proféticos

·         Viagem aos céus

·         Visão em sonhos

·         Saída do corpo

·         Estados espirituais elevados

 

Preparação. Eles utilizam diversas técnicas para poderem enrar em sonhos lúcidos, na maioria dos casos toscos, grosseiros, imprecisos, empíricos, utilizando, para isso:

 

·         Jejum

·         Mantras

·         Oração

·         Mortificações

·         Meditação

·         Talismãs

·         Mandalas

·         Chás

·         Estresse

·         Plantas alucinógenas

·         Rituais

·         Posições

 

Persistência. Muitas dessas técnicas ainda persistem até hoje, causando enorme prejuízo para o sonhador lúcido espiritualista iniciante ou sonhadores lúcido mínimo, mas também alguns sonhadores lúcido médio ficam presos nessas inabilidades do sonhador lúcido, imaturidades oníricas e imaturidades existenciais.

Lúcido. Sonho lúcido espiritual é o sonho lúcido transpessoal simbólico ligado a determinados símbolos religiosos, de determinadas crenças. Na classificação dos sonhos lúcidos quanto ao conteúdo encontramos 10 tipos diferentes de sonhos lúcidos espirituais,

Nitzsche. Nitezsche afirmou que a religião é um produto direto dos sonhos e, sociologicamente, temos na sociologia dos sonhos a teoria de que a religião foi criada a partir dos sonhos. Na realidade são diversos fatores complexos que compões o mosaico religioso. Claro está que os sonhos lúcidos espirituais reforçaram as ideias religiosas e, por sua vez, receberam embasamento das religiões dos sonhadores lúcidos.

Aspecto. Por esse aspecto podemos ver claramente que os sonhos lúcidos influenciara os pensamento e as práticas espiritualistas em todos os tempos.

Aluno. Os alunos nota 9,5 ou sonhadores lúcidos médios que ganham  grande destaque no terreno espiritualistas as vezes cometeram erros, deslizes, equívocos, não levando corretamente, a cabo, as tarefas que aceitaram nos faixas transpessoais.

Exemplo. Como exemplo dessa afirmação podemos destacar, o sonhador e seus erros:

 

1.       Iogues tibetanos e a manutenção do lamaísmo

2.       Sacerdotes egípcios e a manutenção do poder das classes dominantes

3.       Santos católicos e a manutenção da ideologia católica

4.       Iogues Indus e a não modificação da estrutura da Índia

5.       Xamas siberianos e a manutenção de práticas primitivas

6.       Filósofos gregos e a não descrição adequada dos fenômenos lúcidos oníricos

7.       Psicólogos modernos e a prisão do materialismo estéril, sem propósito

 

História. Historicamente os sonhos lúcidos espirituais, no ocidente foram responsáveis por um dinamismo sociológico a mais nas religiões, mas os sonhadores lúcidos espirituais utilizaram os sonhos lúcidos de uma forma ideológica para fortalecerem o lado que defendiam.

Paranormalidade. O sonho lúcido espiritual à vezes é acompanhado de manifestações paranormais e, com isso alguns sonhadores lúcidos espirituais católicos foram canonizados pelos feitos oníricos que praticaram, enquanto que outros foram dizimados pelos católicos por não acompanharem a doutrina oficial.

Qnirofania. Chama-se onirofania a manifestação espiritual através dos sonhos. Na igreja Católica temos os seguntes exemplos: 1. Cedmon, recebeu um hino religioso; 2. Dom Bosco e diversas obras vindas dos sonhos; 3. Santa Catarina de Labouré, sonho paranormal clarividente.

Templo. Na idade média a Igreja Católica utilizou as igrejas como templos de sonhos de cura, assim tendo o sonho lúcido espiritual católico de cura. O processo básico era o doente induzir um sonho de cura com o santo de sua proteção para conseguir a graça. O ambiente cultural propício, a igreja; ouvir o relato de outros sonhadores e sonhos de cura; desejar a cura pela crença, faziam com que em muitos casos se alcança-se a cura.

Professores.  Em diversos sonhos lúcidos espirituais algum professor da vida nas faixas transpessoais foram confundidos com Deus e, quando um sonhador lúcido espiritual católico, cristão encontrava com ele dia que tinha contato com a divindade. Em outras religiões encontramos fenômeno semelhante.

Imaturidade . A ideia do paraíso, tão comum a todas as religiões lembra um doce sonho lúcido médio infantil e imaturo, retirada de um sonho lúcido impessoal transpessoal , localidade onírica, relacionado a lugar, e constantemente alimentado pelas religiões, induzindo milhões de sonhadores não lúcidos a ficarem presos nesses sonhos infantis.

Paraiso. Quem já esteve em um sonho lúcido ao menos uma vez sabe do quão é prazeroso o sonho, o cenário, o enredo, os atores oníricos, as possibilidades oníricas. Ao mesmo tempo sabemos da existência de sonhos de compensação, que no caso serviriam para compensar o sofrimento, as dores, doenças, provações, frustações, da difícil jornada  de aprendizado na nossa classe da escola da vida

Transpessoais. Por outro lado temos sonhadores teta que ainda acreditam estarem vivos e continuam a vivenciar as suas ideias espiritualistas infantis. Nessas localidades transpessoais encontram de tudo: templos, sacerdotes, missas, etc.

Pesadelo Por sua vez, a ideia do inferno nada mais é o que a de um sonho lúcido negativo, pesadelo que apenas cristalizou na ideia dos sonhadores mais infantilidade e imaturidade. A descrição do inferno um lugar pavoroso, cheio de torturas, que mais lembram as salas de tortura da inquisição.

Católico. Mas também temos que ver que muitos sonhadores lúcidos para escapar as malhas da inquisição preferiam relatar suas experiências em termos conhecidos e aceitos pela doutrina oficial. Assim temos, no sonho lúcido espiritual católico:

 

1.    o professor da vida nos sonhos como Deus;

2.    o aluno nota 10 como santo;

3.    sonho paranormal católico como milagre;

4.    sonho paranormal não católico como obra do demônio;

5.    sonho lúcido como revelação divina;

6.    sonho lúcido impessoal como o paraíso;

7.    ideias avançadas como filosofia católica;

8.    Faixas transpessoais como céu

9.    Os sonhos lúcidos como prova de santidade

10. A ética transpessoal como moral católica

 

Roupagem E outras variáveis relacionadas com os sonhas lúcidos e sonhadores lúcidos com a roupagem da religião.

Sociologia. A sociologia dos sonhos lúcidos e não lúcidos explica esse fenômeno. Assim é natural que devido ao isolamento social, a dinâmica social, o pano de fundo das relações sociais, qualquer ideias seja incorporada nos moldes da estrutura social subjacente. Isso também é analisado pelo marxismo e pela sociologia do conhecimento

Extensão. Essa interpretação dos fatos pode ser estendida a todos os outros sonhos lúcidos espirituais. Assim iogues, budistas, judeus, protestantes, espiritualistas, místicos, esotéricos, ocultistas, taoistas, zen budistas, xintoistas, umbandistas, espíritas, parapsicólogos, espiritualistas americanos, espiritualistas ingleses, metapsíquicos, orientalistas, mulçumanos, sufis, maçons, cabalistas. Esses sonhadores se utilizam dos sonhos lúcidos, seja na forma mínima ou media, e quando retornam para a vigília ativa interpretam as suas experiências oníricas dentro do contexto cultural a qual estão submetidos

Fenômenos. Temos que notar, levar em conta que muitos fenômenos dos sonhos lúcidos, dos sonhos não lúcidos, fenômenos paralelos aos sonhos lúcidos, poderiam aparecer de forma espontânea ou provocada e dava os mais diversos tipos de interpretações diferentes, com descrições, nomenclaturas, o que levava a uma enorme confusão, às vezes não intencionais. Às vezes intencionais.

Imaturidade. Elas apenas conduzem o sonhador lúcido para enganos, equívocos, imaturidade onírica, bairrismo, e outras práticas que acabam por dificultar o crescimento psicológico do ser, que ainda pensa que esta evoluindo.

Grupo. Um sonhador nunca está sozinho e consigo arrasta sob sua gravidade muitos outros sonhadores, seja na base de influencias grupais mais amplas ou influencias rupais mais seletivas como sociedades, seitas, dissidências, facções, fraternidades, que acabam sendo mais prejudiciais ainda por fazer com que os outros sonhadores mergulhem, trilhem, os caminhos da imaturidade onírica.

Autoritários. Há casos em que esses sonhadores-lideres autoritários viram alienadores oníricos, prejudicando mais o processo todo. Assim eles:

 

1.    Deturpam a verdade

2.    Escondem dados

3.    Cerceiam liberdade de pensamento

4.    Incluem dogmas

5.    Não aceitam dissidências

6.    Criam suas próprias regras

 

Histórico. O histórico dessas ideias, no geral é bom para o onirocrítico, e muitas delas foram incorporadas com a devida decodificação para os dias atuais.

 Cuidado. Ele tem que ter o cuidado de não se levar por essa ideias por mais atraente que possam parecer. Na realidade isso é repetir erros de ciclos existenciais passados, e isso no na nossa classe de aula da biouniversidade é uma coisa que ocorre muito.

Sonhador. O sonhador lúcido pode aprender muito com isso inclusive, para o seu aprendizado usar essas técnicas para aumenta e manter a lucidez onírica.

Totalquestionamento. Sempre usando o seu Totalquestionamento para analisar corretamente, adequadamente, as informações, dados, ideias passadas. A onirocrítica é uma filosofia aberta, não dogmática, que aceita contribuições vinda de todos os lados, na forma de críticas, ideias, etc.

Contemporâneo. O espiritualismo contemporâneo ainda usa alguns métodos arcaicos ao lado de outros aceitos. Assim temos:

 

·         Uso de diário dos sonhos

·         Uso de mantras

·         Interpretação simbólica dos sonhos

·         Uso de gurus

·         Uso de rituais

·         Uso de técnicas

           

Daime. O Santo Daime e outras correntes similares utilizam uma planta alucinógena a ayahuasca em forma de chá para produzir sonhos lúcidos e outros estados alterados da consciência. Mas elas apenas produzem sonhos lúcidos forçados, impuros, contaminados.

Espiritocrítica. Para estudar adequadamente o espiritualismo e suas diversas correntes e a sua relação com os sonhos lúcidos, a onirocrítica tem um subcampo, subdisciplina, a espiritocrítica. Assim:

 

·         A biouniversidade ou cosmoescola

·         As faixas transpessoais

·         As localidades oníricas e transpessoais

·         A prévida e o posmorte

·         O multiversalismo

·         O totalquestionamento

·         A análise crítica

·         A sociologia das religiões

·         A ciência das religiões

·         A filosofia das religiões

·         A assistência inteligente onírica e transpessoal

·         O sonho compartilhado teta

 

União. Todas elas entram no campo de estudo da espiritocrítica, na base da mudisciplinariedade, da interdisciplinaridade e da transdcipilinariedade. Nem é preciso dizer que tudo isso esta sob a égide do multiversalismo e da cosmocidadania ou ética transpessoal

 Otavio Aquino

5 comentários:

Rimla Nilomlad disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rimla Nilomlad disse...

Ola, eu acompanho seu blog a algum tempo, senti muita falta, pois passou um periodo sem atualizacoes.

Ficou muito feliz que o blog esteja de volta na ativa.

Tenha uma boa noite e uma otima semana

Hebert disse...

Eu queria saber se o sonho lucido e igual a realidade ou e igual a um sonho normal que vc fica com a visão embassada?

Rimla Nilomlad disse...

Sim, na verdade muitos sao sao dificeis de diferenciar da realidade, falo isso a respeito de qualquer tipo de sensacao que voce sente no mundo fisico. Os efeitos da gravidade, a textura, muitas das vezes sao perfeitos.

Para saber mais junte-se a nos.
http://www.sonhoslucidos.com/

Temos um chat e um forum de onironaltas, fique a vontade para tirar suas duvidas.

Hebert disse...

Mto obrigado pela resposta,e claro que vou me juntar ao chat,pq eu leio sobre isso faz 2 semanas e estou louco pra ter um sonho lucido,mto obrigado msm vc falou o que eu queria ouvir!!! Bons sonhos!!!